Vídeos com alguma facécia

Agora é possível desfrutar de alguns vídeos relacionados com os textos. Para isso basta carregar no título do post. O título é aquela coisa a Negrito, com umas letras maiores, e que antecede as profícuas palavras deste blog. Advertência: Caros leitores, estão completamente proibidos de ver os vídeos antes de lerem as barbaridades escritas, correndo o risco de serem atingidos por uma comichão deveras desagradável na zona da púbis, seguido de pé-chato nas mãos e escorbuto nos tornozelos.

Wednesday, May 25, 2005

Apiterapia, problema ou solução?

Há dias li um artigo subordinado aos benefícios das abelhas e seus derivados! O escrito referia que a apiterapia curava de tudo um pouco. Segundo um apiterapeuta, tudo o que acabe em ite (espongivite, leucite, conquite, evite, vi-te, esferovite, site, limite, agite, etc..., deduzo eu) pode ser curado, recorrendo às abelhas, ao mel e derivados (portanto à api... qualquer coisa). Estamos perante um apiuniverso que poderá aumentar a esperança média de vida da população. É tudo muito bonito, mas eu julgo (porque sempre tive uma costela de juiz) que seria benéfico proibir esta substância em terreno luso (especialmente nas termas)! Se a esperança média de vida de um português aumentar, aumenta o número de pensionistas. Mais pesada fica a fatia da Segurança Social no Orçamento de Estado. Resultado: mais impostos teremos que pagar. Porque não extinguir as abelhas em Portugal? Mas alguns perguntarão:

Mas é mesmo necessário o Sócrates estar sempre a fazer aquele gesto com as mãos?

Não sei, responderia eu, enquanto colocava a mão no mento, como que a dizer que é uma questão que realmente me apoquenta!

Mas relativamente ao imbróglio das abelhas, defendo o extermínio por Utilidade Pública (além da imprescindibilidade dos Parasitoses Intestinais, mas isso é outra história), uma vez que, mesmo que não o diminuísse, pelo menos não provocaria o disparo do défice nacional.

A não ser que a apiterapia resolvesse os problemas de tudo o que acabe em éfice e comece em d; comece em in, termine e petência e tenha no meio com; entre outras... Nesse caso, defendo imediatamente uma petição online, vários subsídios, telemóvel, automóvel topo de gama e reforma por inteiro para a apiterapia! Ah, e imunidade apirlamentar!

17 comments:

Anonymous said...

Caro Senhor:

Não sei se percebi bem a sua tese... então o mel não é bom para as constipações??

E as abelhas, que são queridas, não transportam o polen para fecundar as plantinhase dar mais flores??

O que é que isto tem a ver com a política?? Deixem as abelhas trabalhar!!

Cambada de camafeus que só fala em política, não vê mainada à frentes...

Assinados:

Maia,

Gestor de produto "Mel Granja S. Francisco",

Flores diversas presentes no Spring Break

AMAFAS said...

Caro Anonymous:

O mel é bom para as constipações, mas sobrevive mais gente, logo mais reformas, mais défice e por aí fora.

Se são queridas ou não, é discutível, mas é verdade, transportam o pólen! Mas, mais flores, mais alergias, mais gastos na saúde, mais défice, e por aí fora.

Tem tudo a ver com economia! A política vem depois...

Camafeu é o Ron Perlman, ok? Além disso, nós não falamos de política: escrevemos. Não vá ao médico que não é preciso...

AMAFAS

Gestor de produto "Profi Trolls"

Se pões flores a parar a Primavera é contigo!

Cat said...

Realmente...nunca tinha pensado nisso!
Eu que já não simpatizava com as abelhas, apesar de adorar mel (hum...com torradas, logo pela manha...delicia)...agora acho que só causam problemas!

(Deixem só algumas para fazer um controlo do crescimento da espécie...também nao é bonito andar para ai a matar toda a bicharada. Mas já que estão numa de "serial-killers" ponham no mesmo saco outras bichas - ops! bichos! - como o Portas e companhia)

Å®t_Øf_£övë said...

Só tu me farias rir hoje com um assunto tão sério.
:)
Bom feriado.

bertus said...

...essa do "camafeu" foi do caraças!! Que raio de argumento...anti-pessoal...

Eu não gosto nada de abelhas porque volta não volta sou picado por uma dessas "simpáticas aeronaves". E de mel também não vou muito à bola...
O que eu gosto mesmo é de estar de férias...
Boa "jornada" na sexta!

Sái mais um mergulho!!

stillforty said...

Voto por uma petição online, seja para o que for.
Estou com uma constipação do caraças, rouca e tudo..tudoo...nem me apetece comentar nada.
Vou tentar o mel das abelhinhas.
Amanhã, não esquecer: canal 2, A Revolta dos Pastéis de Nata.
Tou a falar a sério!

Ze_Halcon said...

Ah não...

a revolta dos pastéis de nata é que não...

- os sketches não são por aí além;

- as perguntas ensaiadas com o público (que por acaso é conhecido/amigo do LFB);

- o LFB que tem, a cada 10 segundos, de lembrar que fez, contrafeito, um curso de Direito (deve ser um grande trauma);

- os 3 pastéis que estão em cima da mesa são sempre os mesmos e já tinham, no dia do primneiro programa, 2 semanas...


alé, disdo, não percebo a cena dos pastéis e pq é que são 3: um por cada convidado e o terceiro é o pp LFB? e, sendo assim, pq é que o 3º pastel não tem uma boina?

Anonymous said...

o Ron Perlman é lindo de morrer ao lado de vcs, trolls

e sim, não vou ao médico que não é preciso. se precisasse iria

vejam se escrevam sobre coisas engraçadas, para variar. até dou exemplos:

- doenças crónicas provocadas pelo musgo em castores zarolhos;

- a castração de duendes dinamarqueses como desporto em desenvolvimento a nível mundial que reclama admissão olímpica;

- o governo do sócrates;

- a utilização de pó de arroz como tempero gastronómico;

AMAFAS said...

Bem sei que não temos piada! Não é esse o nosso objectivo! Nós procuramos escrever sisudamente sobre problemas e/ou curiosidades que voam por ai.

Nem as abelhas consideram o Ron Perlman jeitoso, ok? Se nós somos ou não, nem sabes, nem te diz respeito!

Mas voltando ao Perlmanismo, se o consideras lindo de morrer (e aqui nem interessa se a comparação é com os Trolls; até podia ser com o Nobre Guedes) eu marcava uma consulta no oftalmologista. Digo eu, digo eu...

Respeitando a tua chamada de atenção, aqui vai:

- doenças crónicas provocadas pelo musgo em castores zarolhos;

- a castração de duendes dinamarqueses como desporto em desenvolvimento a nível mundial que reclama admissão olímpica;

- o governo do Sócrates;

- a utilização de pó de arroz como tempero gastronómico

Contente? Espero que sim!

Bom fim-de-semana!

Anonymous said...

rectius, escreves tu, escreves tu

e além disso, para que saibas, corre na net uma fotografia vossa, motivo pelo qual posso afirmar - na mesma medida que o Ron Perlman é um autêntico deus grego e o Fyssas um autêntico calhar grego - que vcs são camafeus da ponta dos cabelos (ie, os que ainda os têm) à ponta das unhas dos pés (e sim, antes de serem cortadas com uma rebarbadora Einhell)

AMAFAS said...

A nossa foto de grupo está aqui:

http://profitrolls.blogspot.com/2005/05/album-de-famlia.html

Como o caro anónimo pode observar não atingimos o ponto de camafeu. Talvez cama; camafeus não!
Além disso o Fyssas não é um calhar grego, é um CALHAU grego! E dos duros...

stillforty said...

Chhh!!!copiaram....tstttt!!!tstttt!!vergonha!pariram nada, é tudo mentira.

augustoM said...

Se a Apiterapia pode ser problema ou solução, não sei, mas não podemos acabar com as abelhas, sem elas não há zângões, os únicos que têm possibilidades de dar ferroadas no governo, porque quanto ao resto, toca a banda e a caravana passa.
Um abraço. Augusto

Anonymous said...

amafas:

tens razão: calhar só mesmo de encalhar, que é o que aconteceu ao teu comment...

e viva o vitória!

AMAFAS said...

É bom saber que somos apreciados e que temos importância suficiente para que nos comentem até à exaustão!

Sem ti, anónimo, o meu dia não seria o mesmo. Andaria macambúzio e acabrunhado!

Nunca ouviste dizer que comment encalhado, comment abençoado? Não puxes mais pela cabeça que eu também nunca ouvi dizer!

Obrigado por te lembrares de mim, e consequentemente de nós!

Saravá amigo!

AMAFAS said...

Viva o Vitória e a Vitória!

Kiau Liang said...

Amafas:

Nunca pensei que uma abelha desse tanta confusão, mas como o meu povo diz: Os cães ladram e a caravana passa... e como eu costumo dizer: deixa-os falar mal, é sinal que sou importante.

Há quem só pense em publicidade....