Vídeos com alguma facécia

Agora é possível desfrutar de alguns vídeos relacionados com os textos. Para isso basta carregar no título do post. O título é aquela coisa a Negrito, com umas letras maiores, e que antecede as profícuas palavras deste blog. Advertência: Caros leitores, estão completamente proibidos de ver os vídeos antes de lerem as barbaridades escritas, correndo o risco de serem atingidos por uma comichão deveras desagradável na zona da púbis, seguido de pé-chato nas mãos e escorbuto nos tornozelos.

Thursday, September 22, 2005

Militares preparam nova manifestação recorrendo a cães

As associações de militares prometeram continuar a lutar "pelo direito" de se manifestarem, sublinhando que os membros das Forças Armadas "são cidadãos como os outros e devem poder exprimir" publicamente a sua insatisfação. Duas mil pessoas manifestaram-se hoje em frente da Assembleia da República contra as novas regras da reforma e do sistema de saúde nas Forças Armadas, num protesto pacífico organizado pelos familiares dos militares (maioritariamente mulheres, amantes e companheiras sexuais esporádicas). Surpreendendo tudo e todos, as associações militares prometeram futuras acções, sempre contornando o impedimento que afecta as concentrações públicas de militares, bramindo impropérios ao Governo ou espargindo insultos ao Ministro da tutela.

"A próxima manifestação será efectuada pelos cães dos militares e contamos obter uma presença superior a esta última concentração pública. O poder político pode descansar. Não comparecerão os cães-polícia, apenas cães civis. Na última reunião ficaram várias possibilidades em cima da mesa (a ponto de não caber mais nada em cima dela - e era bem grande). Já se fala em manifestações de carros telecomandados, aeromodelismo, sobrinhos afastados e até bigodes. A nossa luta não vai parar. Nem que gastemos o nosso salário em pilhas. Agradecemos novas sugestões como forma de luta contra esta política desmilitarizante e parva. É uma política parva. Raios!"

2 comments:

Maria said...

LOL!!!

ao que o nosso país se presta... menos mau o ministério ser em lisboa, se fosse no porto ou em viseu já estava alguém a pensar na forma de colocar essas manifestações no Guinness ao lado dos pais natais e dos pa~es com chouriço...

Desinformador said...

Eu por mim trocava os cães por papagaios, e tapava a boca dos militares!

E punha os papagaios debaixo da janela do Sócrates a papaguear: "Martini baby?!"