Vídeos com alguma facécia

Agora é possível desfrutar de alguns vídeos relacionados com os textos. Para isso basta carregar no título do post. O título é aquela coisa a Negrito, com umas letras maiores, e que antecede as profícuas palavras deste blog. Advertência: Caros leitores, estão completamente proibidos de ver os vídeos antes de lerem as barbaridades escritas, correndo o risco de serem atingidos por uma comichão deveras desagradável na zona da púbis, seguido de pé-chato nas mãos e escorbuto nos tornozelos.

Sunday, January 22, 2006

O silêncio é de ouro, meu amigo!

Os cães ladram e a caravana passa - percebeste JMP? Ou será que a caravana é que ladra e os cães passam? Não interessa, o que importa é que cada vez que escreves isto vai abaixo. Como não dizes nada de jeito, não percebo porque é que ainda cá vens. Isto andava tão calmo. Não sei se sabes, mas o povo é sereno e eu estava a gostar. O silêncio é de ouro, meu amigo! Ou será que o ouro é que é de silêncio? Borrifando! Este meu silêncio não é inocente. Se estava tudo calado era porque eu assim desejava. E tu, como perfeito espalha-brasas, toca de vir poluir a ausência de som. Irra que és chato, apre que o homem não sabe o que significa a expressão "estar no local certo à hora certa"! Abala definitivamente deste pardieiro! Desampara a loja! Sabes o que custou enfiar umas luvas de cimento ao Ze Halcon para não vir cá aborrecer mais? Tu fazes ideia do tamanho dos dedos daquele gajo? Tu porventura acreditas que alguém que cá aparece (bem sei que maioritariamente por um acaso infeliz) vem ler o que escreves; vem soltar uma gargalhada com duas linhas tuas? Se bem que, se (por algum fenómeno do Entroncamento) alguém aparecesse para se vir rir do que escreves, andava seis meses a rir-se da mesma graça - fracota por sinal! Como oiço por aí, não me acredito! Ao menos, vê lá se votas bem (branco mais branco não há - vota Neoblanc)!

PS: Costumas referir (nos nossos encontros entre as tuas lesões) que o blog é meu. Não me lembro de nenhuma autorização escrita, assinada por mim, para poderes deixar cá um post. E como não vi nenhum acrescento significativo à minha conta bancária depreendo que não me pagaste, logo penetraste em propriedade alheia. Com isto te digo apenas que se o blog se atrasar, és tu o pai!

2 comments:

lifextension said...

isto está um caso bicudo...

Marta said...

Amafas, caríssimo, fizeste-me rir a bom rir. Tens em mim uma fã!

Só não posso desejar que o silêncio seja de ouro por aqui! Volta, vá lá. Depois da piada do Münch lá no meu canto posso pedir-te isso (ou não? LOL) - apesar de achar que não foste tu que fracasaste na piadola, fui eu que fracassei no conhecimento. :):)

Beijos,
M.